top of page

sex., 03 de mai.

|

JAZZ VILLAGE | Restaurante e Jazz Club

Maurício Sahady

Maurício Sahady
Maurício Sahady

Horário e local

03 de mai. de 2024, 20:00 – 22:00

JAZZ VILLAGE | Restaurante e Jazz Club, R. Toivo Suni, 33 - Penedo, Itatiaia - RJ, 27580-000, Brasil

Sobre o evento

Horário do Show: 20h as 22h

Horário do Restaurante: 19h as 23h

Estacionamento Gratuito no Local

O Jazz Village fica localizado dentro do Hotel Pequena Suécia

Rua Toivo Suni, 33 - Penedo, RJ

RELEASE

Maurício Sahady

(aka Morris Slim)

Completando trinta e cinco anos de carreira, dedicados ao Blues, o artista está lançando seu novo trabalho - Hard-Working Man, pelo selo Mississippi Delta Blues.

Gravado ao vivo em estúdio, o álbum é composto, em sua maioria, de faixas autorais; também evidencia, além do cantor, a força da guitarra canhota, tocada sem palheta, estilo que o músico aperfeiçoou ao longo dos anos, ouvindo incansavelmente suas principais influências - B.B. King, Albert King, Otis Rush, Freddie King e Magic Sam.

Com vigor nas execuções, de forma visceral, “Hard Working Man” e “Tame That Wild Thing”, recém-lançadas - formato single -, são os carros-chefes do disco e traduzem bem o que é o Blues na sua essência.

(Disponíveis nas principais plataformas).

“I’m A Bad Man”, último lançamento, é um shuffle autoral no melhor estilo Chicago Blues.

E mais surpresas estão previstas para 2024.

Na estrada desde 1989, quando integrava uma das pioneiras do blues nacional, a banda Atlântico Blues, com a qual gravou dois LPs – Blues Urbano e A Hora Do Blues –, Sahady tem sido presença marcante em vários festivais de blues pelo Brasil, alguns internacionais como o Sesc’n’Blues - SP, Mississippi Delta Blues Festival - RS, Rio das Ostras Jazz and Blues; também programas de televisão - destaque para o “Jô Soares Onze e Meia” e o “Programa do Jô”.

Lançou três trabalhos solos: Blues Brasileiro (2001) e Vício Valvulado(2005), predominantemente autorais, apresentam composições em português; Laundromat 335 (2007), recheado de consagrados clássicos do blues, alçou o artista à esfera internacional, passando a figurar nos “playlists” das rádios especializadas de diversos países europeus – França, Alemanha, Dinamarca, Itália e Bélgica.

Fez parte do projeto Brazilian Blues Bash, gravado em 2012, em Chicago, na Delmark House - uma das mais antigas empresas fonográficas dos EUA – verdadeiro templo do blues, jazz e do soul, por onde já passaram Buddy Guy, Junior Wells, Otis Rush, Jimmy Johnson etc..

Atualmente, comanda as sessões do Clube do Blues RJ, projeto idealizado em 2008 por Cláudio Bedran e Pedro Strasser(ex-integrantes

do Blues Etílicos), cujo objetivo era reunir os amantes do gênero. A sede atual é o Mississippi Delta Blues Bar, por onde passam grandes artistas do cenário nacional e internacional do blues.

2024 é o ano de brindar a trajetória do hard-working man Maurício Sahady, tudo a ver com quem contribuiu substancialmente para fortalecer as raízes do blues no Brasil.

Compartilhe esse evento

bottom of page